O que AMO na ÍNDIA – TOP 10

O que AMO na ÍNDIA – TOP 10

A Índia é um lugar que te surpreende a todo instante. Quando vim em 2014 tinha muito medo de tudo o que iria encontrar pela frente. Esperava um país totalmente sem estrutura, caótico e louco. E entre tantas opiniões diversas tive que ter a minha própria opinião e assim arrumei minhas malas, meus medos e angústias foram juntos comigo nessa aventura, nessa viagem que mudou completamente a minha vida. Essa experiência que até hoje me falta palavras para descrever realmente com detalhes o que é…A verdade é que sei que não há nada exato, nenhum texto, vídeo, fotos, depoimentos é capaz de expressar com exatidão o que a Índia é.

Ali perdida no início, chocada, assustada fui descobrindo um lugar encantador e que te faz amá-lo apesar de todas as dificuldades e extremos. Um lugar transformador que te faz pensar que o mundo vai mundo além do que você pensava… que te testa a todos os instantes e te faz forte, tolerante e mais amável.

Reuni 10 coisas que mais amo na Índia. E claro que faltou muitos outros itens. Convido você a ver esse vídeo e a comentar sobre o que você ama no país ou amou, ou se você ainda não conheçe, se está planejando a sua viagem, nos conte o que sonha em conhecer… o que admira na Índia?

Dê o gostei no vídeo👍🏻👍🏻👍🏻😍😍😍, compartilhe com seus amigos.❤️❤️🎥🎥 Se inscreva no canal. 🎥🙏🏻✨✨Namastê ✨✨🙏🏻

Acompanhe também:
❤️ Facebook: https://www.facebook.com/namastemundoporjoicegabriela
❤️Instagram: @joicegabriela 

https://www.instagram.com/joicegabriela/

❤️E-mail: joicegabrielabrazil@gmail.com
❤️Blog: https://namastemundoporjoicegabriela.wordpress.com

Ela vai ter que Casar!!

Ela vai ter que Casar!!

Ótimas profissionais, mulheres que querem viajar, desbravar o mundo, ter liberdade. Mas não podem. Com a pressão familiar as mulheres indianas são criadas a vida toda para o grande momento de suas vidas que é o casamento. Um casamento arranjado. Muitas querem realizar outros sonhos mas a imposição familiar fala mais alto. Ela vai ter que casar!!

Acompanhe também: 

❤️🎥You Tube: https://m.youtube.com/c/JoiceGabriela

❤️ Facebook: https://www.facebook.com/namastemundoporjoicegabriela
❤️Instagram: @joicegabriela 

https://www.instagram.com/joicegabriela/

❤️E-mail: joicegabrielabrazil@gmail.com

Casamento Indiano

Casamento Indiano

🎥Vídeo novo no canal: 🎥❤️Casamento Indiano❤️Reuni as perguntas que mais recebo, espero que goste. 😀😊

Curiosidades, Importância do casamento na Índia, preferência do homem indiano, idade, dote, casamento arranjado, escolhendo os pretendentes, cores da noiva, convidadas, rituais que antecedem a celebração até o grande dia. Lua de mel, presentes e muito mais…muitas informações nesse vídeo. Venha ver.

Não se esqueça de dar o gostei 👍🏻para mim lá no vídeo para que mais pessoas possam ver também e se ainda não se inscreveu no canal seja bem vindo. 🎥🙏🏻❤️

Acompanhe também: 
❤️🎥You Tube: https://m.youtube.com/c/JoiceGabriela
❤️ Facebook: https://www.facebook.com/namastemundoporjoicegabriela
❤️Instagram: @joicegabriela 

https://www.instagram.com/joicegabriela/

Índia- Astrologia que comanda a vida!

Índia- Astrologia que comanda a vida!

Já ouviu aquela expressão: auspicioso? Então, significa que algo é maravilhoso, dá sorte, vai acontecer algo bom. Os indianos são muito ligados a isso, alguns menos, outros muito fanáticos! Algumas pessoas por aqui não fazem nada sem consultar antes os astros. E por que isso? Eles acreditam que tudo na vida se baseia no Karma. No hinduísmo, a palavra “carma” em sânscrito significa “ação”. Refere-se ao efeito que nossas ações geram em nosso futuro, tanto nesta como em outras encarnações.
Por isso, na Índia tudo é ligado a astrologia. Com o seu nome completo, a cidade que você nasceu, a data do seu nascimento e a hora dão a combinação para que um Pandit avalie toda a sua sorte. Seu passado, seu presente e o seu futuro.

 

Um Pandit (paṇḍit); (Hindi; Devanagari: पण्डित, Sânscrito: paṇḍita) é um estudioso, um professor, em especial um profundo conhecedor de Sânscrito, da lei, música de filosofia Hindus. Quase sempre um Brâmane, que memorizou uma significativa parte dos “Vedas” junto com os correspondentes ritmos e melodias, cantando e entoando os mesmos.

 

Ao nascer as crianças não possuem já o nome antecipado como aqui no Brasil, na Índia é proibido fazer ultra-sonografias para ver o sexo dos bebês pelo alto índice de abortos de meninas. Para entender melhor leia esse texto que fiz sobre o assunto: “Índia- Onde estão nossas meninas?”

Após o nascimento da criança os pais vão até o Pandit e a partir dos dados do nascimento: dia, mês, ano, hora, local. A partir disso o Pandit vai dar aos pais a primeira letra auspiciosa para a escolha do nome. Dessa forma a família vai decidir o nome, que geralmente é a pessoa mais velha da família que vai escolher.

Os costumes na Índia mudam de família para família, algumas esperam um mês, outras fazem Kundli da criança após um ano do seu nascimento.

O que é Kundli?

Kundli é a parte mais importante da Astrologia Védica. Kundli registra a posição dos planetas e outros elementos estelares no momento do nascimento de uma pessoa. Kundli também tem vários cálculos e gráficos, revelando informações vitais sobre o Karma da pessoa.

Situações onde a astrologia, Kundli é usada.

Sua vida como um todo é analisada: passado, trabalho, carreira, estudos, saúde, dinheiro, família, amor, destino e futuro.

1- Casamento

Aqui eles vão analisar as datas de sorte para quando chegar a hora do casamento. Quando tiver um (a) pretendente eles vão cruzar esses mapas astrológicos (Kundli) e ver a compatibilidade do casal, ver se vão ser felizes, brigas, números de filhos, relacionamento com toda família, relação sogra e nora, conflitos que possam existir. Ver se será um bom casamento e os desafios a enfrentar.


É aqui que descobrem se a noiva ou o noivo são Mangliks. O que isso? Os Mangliks são os Amaldiçoados para o amor. Se sair isso no horóscopo é um péssimo sinal!! Muitas famílias não casam seus filhos. Eles acreditam que ao se casar com um Manglik a outra pessoa irá falecer. Uma estratégia que os Pandites fazem é casar o noivo ou a noiva Manglik com uma árvore (lembra de caminhos das Índias? A Maya era Manglik e a casaram antes com uma bananeira), ou usam um animal (utilizam muito cachorro para essa cerimônia); assim acreditam que a má sorte irá para lá, e sendo assim o segundo casamento será feliz. Outros só casam Manglik com Manglik pois duas energias negativas se tonam positivas.

 

Na novela Caminho das Indias, Maya se casa com uma árvore para desfazer maldição. Foto Rede Globo

 

2- Estudos

Analisam as áreas de maior interesse que a criança pode seguir, conclusão dos estudos e também estudos no exterior.

3- Comércios

Negócios somente a luz do dia! Verificam as melhores datas para começarem um novo negócio, começar um novo emprego. Fazem previsões do melhor dia para fechar um grande negócio. Melhor local para abrir um comércio. Opções de parceria e sócios também verificam se o mapa astrológico combinam, altos e baixos do comércio.

4- Filmes

Verificam a letra do alfabeto para iniciar o nome do filme, verificam mapa astrológico do elenco, atores e produção do filme, melhor dia para lançamento. Quanto dinheiro podem conseguir com o filme.

5- Compras

Seja uma propriedade, um carro, uma casa, apartamento, verificam o melhor dia, cor do carro, número da placa, número da casa e do apartamento de acordo com o signo do proprietário.

6-Construções

Seja para casa, apartamento, comércio vão verificar dia perfeito para começar as obras, as mudanças, reformas. Alguns verificam o mapa astrológico de todos os envolvidos, como engenheiros e arquitetos. Examinam o melhor dia e horário para cavar um poço, colocar o primeiro tijolo, posicionamento dos móveis. Tudo tem que estar de acordo. Até o melhor dia da mudança.

7- Personalidade do esporte

Verificam qual o melhor número para colocarem nas camisas e uniformes, melhor dia de treinos.

8- Saúde

Verificam prováveis doenças que a pessoa possa sofrer e como evitá-las.

9- Morte

É muito difícil um astrólogo revelar a data da morte, eles evitam fazer previsões sobre o fim da vida.

Na Índia tem várias pessoas e sites que fazem Kundli, podendo custar de 2mil rúpias a 15 mil rúpias.
Em todos esses casos eles fazem as previsões e no fim dão orientações para melhorias no que eles veem que não esteja positivo e no que a pessoa deve ficar atenta. Seja usando pedras preciosas de proteção ou fazendo orações.

Existem milhares de pedras que estão diretamente relacionados com sinais do sol e da lua e são entregues ou sugeridos pelos astrólogos para usá-la ou vestir determinada cor para o crescimento nos negócios e melhorar a vida. Maior paz, dinheiro, curar determinadas deficiências, ter equilíbrio na área do amor. Assim como as pedras, são Deuses diferentes para os mais diversos problemas. Diferentes orações para prevenir e corrigir o que está errado e limpar o mau karma do passado.

Vem pra Índia ver, porque aqui eles levam os astros muito a sério.

E você o que acha de tudo isso? Acredita? É exagero?…

Já curtiu a Página no Facebook?  Namastê Mundo por Joice Gabriela, curta e compartilhe com seus amigos. Perguntas me envie pela página.

Vídeo no you tube sobre relacionamento com indiano: Se inscreva no canal, próximo vídeo já vem por aí https://youtu.be/9PHieLmCycs

Que acompanhar pelo Instagram: @joicegabriela

Obrigada, até a próxima publicação, Namastê

Índia- Festival Ganesha Chaturthi

Índia- Festival Ganesha Chaturthi

Lord Shiva é o pai de Ganesha e a sua mãe se chama Parvati. Ganesha Chaturthi é uma festividade realizada em comemoração ao nascimento do deus da inteligência, Ganesha.

(Arquivo pessoal)

Ganesha é um Deus muito famoso e adorado em toda a Índia, está presente nas casas, carros, comércio, todos os lugares na Índia que você for, você encontrará um altar para ele. Um mês antes já se inicia toda a preparação, preces são feitas em dias marcados na semana onde todos da família se reúnem até o início do festival.
Esse ano o festival Ganesha Chaturthi começou hoje, 5 de setembro. Todos os anos a data para o início do festival é modificada, dependendo do calendário hindu. Na Índia eles se baseiam na astrologia e em sinais para tudo o que fazem. Os astros são sempre consultados.
Esse festival é passado de geração em geração, por isso ele é tão importante e especial para os Indianos. Todas as famílias se reúnem, montam e decoram seus altares para Ganesha. Colocam flores, fogo, frutas, doces… A comida favorita de Ganesha é chamado Modak. É o tipo de doce que só fazem durante o festival.

 

Garotinha acompanhada do avô (arquivo pessoal)
Algo bem restrito a esse festival é que mulheres menstruadas não podem participar. Ela fica isolada em um quarto da casa quando não tem a opção de ir para outro lugar (outra casa). Ela não pode tocar nas pessoas que estão presentes, não podem tocar nas imagens, não pode tocar na comida. Esse período menstrual é tido como algo impuro e por isso mulheres nesse período menstrual ficam reservadas.

O festival é um momento de confraternização entre as famílias e amigos, pois eles saem visitando os altares em casas diferentes, cantando mantras e fazendo preces. No final das orações eles comem juntos, tudo isso faz parte do ritual.

 

(Arquivo pessoal)
No final de 11 dias, a imagem é levada às ruas em procissão, em seus altares ou carros, alguns são tão altos que impressiona pela imponência e beleza. Todos vão acompanhado dançando, cantando, ao som de tambores e mantras; “Ganpati Bappa Morya”.

 

(Arquivo pessoal)
Momento de levar Ganesha ao mar. (Arquivo pessoal)
sorridentes eles vão aprendendo desde cedo sua cultura. (Arquivo pessoal)
todas a mulheres em suas roupas tradicionais (Saree) (Arquivo pessoal)

No fim do festival Ganesha é levado para o mar para ser imerso. O dia que isso acontece varia dependendo de cada família. Alguns fazem prece por um dia e meio, outros cinco dias, outros 7 dias, outros mantém até o último dia (11dias).

 

Homens da família levam a imagem para a praia (Arquivo pessoal)
Multidões começam a compartilhar os momentos finais do festival (Arquivo pessoal)
(Arquivo pessoal)
mais orações é feita na praia(Arquivo pessoal)
família fazendo últimos rituais antes de levar Ganesha ao mar (Arquivo pessoal)
(Arquivo pessoal)

A imersão de Ganesha no mar simboliza o adeus para a sua viagem de volta a sua morada em Kailash, levando com ele todo azar, removendo toda energia negativa, todos os obstáculos materiais, espirituais as tristezas e dando a todas as pessoas muita sorte, felicidade, paz e amor.

 

(Arquivo pessoal)
Se puder vá acompanhado(a) de um grupo, saiba que no último dia as ruas ficam todas congestionadas, todos saem em procissão para levar Ganesha ao mar. Claro que muitos não estão ali para orar, mas sim pensam que estão em uma festa, então cuidado.

É uma experiência única, uma energia incrível.
Já participou desse festival? Nos conte sua experiência…

Muita luz, até a próxima publicação🙏🏻😊

Ganpati Bappa Morya🙏🏻

Índia-Feliz (Rakhi) Raksha Bandhan 2016 

Índia-Feliz (Rakhi) Raksha Bandhan 2016 

Raksha Bandhan (“ligação de proteção”) ou Rakhi é um festival comemorado por toda a Índia e em alguns países vizinhos, como Nepal. É celebrado no dia de lua cheia do mês Shravan ou seja, no dia Shravana Poornima do calendário hindu. Que esse ano será no dia 18 de agosto, amanhã.O Rakhi celebra o verdadeiro vínculo de amor entre irmãos. Hoje em dia o festival não é mais apenas entre irmãos de sangue, mas também entre primos, vizinhos, amigos queridos.

Nesse dia a irmã amarra no pulso do irmão um cordão sagrado de seda, algodão, prata ou ouro “rakhi” ao pulso de seu irmão, simbolizando a ligação sagrada entre eles pelo resto da vida. Esse cordão dá a ele força e o protege contra o mal. O irmão faz a promessa e tem o dever de proteger a irmã de todos os problemas, de qualquer circunstância difícil na vida. De ampará-la e estar do seu lado nos bons e maus momentos. A irmã irá sempre orar pelo bem estar e saúde do irmão.

Também é um dia ótimo ao comércio já que o irmão dá algum presente a irmã.

Nesse dia muitos indianos se escondem, não vão ao colégio, faculdade, serviço, pelo medo de sua amada (a menina que ele gosta) o colocar o cordão sagrado, porque depois disso eles são apenas irmãos, nada de romance.

É um dia de muita festa, música, oração, celebração e claro comidas típicas.
Happy Raksha Bandhan! Namastê

India- Onde estão nossas meninas? Aborto e vergonha mundial…

India- Onde estão nossas meninas? Aborto e vergonha mundial…

A cada dia nós, mulheres, temos que lutar para ter igualdade e conquistar nosso espaço em todos os níveis sociais. As meninas aqui na Índia já começam a lutar no ventre materno e depois que nascem, passam o resto da vida lutando dentro de uma cultura extremamente machista e patriarcal.

  
Nascer mulher em um país como a Índia já é uma grande vitória. De acordo com o Instituto de Pesquisa Médica de Chandigarh, todo ano, cerca de 500 mil abortos de fetos do sexo feminino são feitos e estima-se que, nos últimos 10 anos, mais de 10 milhões de mulheres foram eliminadas da Índia.

Quando você está andando nas ruas indianas você já parou para pensar por que você vê tantos homens? Onde estão as mulheres? Não é mera coincidência você andar pela Índia e ver aglomerações de homens; na verdade, as mulheres estão sendo eliminadas. E essa triste realidade não está afetando apenas a Índia e a China, mas também todo o leste Europeu.

Aqui na Índia após o nascimento de um menino é feita uma celebração, dependendo da região; são dias de festa. Todos ficam felizes, dançam; a esposa ganha presente, principalmente se for o primeiro filho. Pela tradição indiana, apenas o filho homem pode acender o fogo sagrado quando o pai morre. É o filho que vai perpetuar o nome da família, administrar os negócios, cuidar dos pais na velhice e herdar a fortuna. Quando nasce uma menina não tem festa, é uma decepção na forma como eles pensam, o que as tradições impõem. A menina é vista apenas como uma despesa, porque de acordo com a tradição, a família da menina terá que pagar o casamento e o dote – mesmo sendo proibido, a tradição manda: o dote é o valor pago em dinheiro e presentes para a família do noivo. Ao casar, a mulher passa a pertencer à família do marido. Então, para os indianos, ter uma filha não é um bom “negócio”.

Pense bem antes de casar com um indiano e ir morar com a família dele, porque muitos pressionam a esposa a ter um filho homem e infelizmente, quando isso não acontece, muitas mulheres são vítimas de discriminação, maus tratos e violência. Muitas mulheres acabam abandonadas por não terem dado à luz um filho homem. Por causa dessa tradição e desses costumes tão enraizados é que o infanticídio está deixando o número de homens e mulheres muito desproporcional a cada ano. Existem mais homens do que mulheres na Índia e em alguns estados indianos já é um grande problema arranjar casamentos e formar novas famílias.
O aborto é permitido na Índia em casos específicos como: a mulher é portadora de alguma doença séria e a gravidez pode colocar sua vida em risco; quando o feto corre o risco de nascer com anomalias físicas ou mentais; caso ela tenha gerado filhos com anomalias congênitas anteriormente, e outros casos específicos, porém apenas é permitido até as primeiras 12 semanas de gravidez. O sexo do feto só pode ser determinado por ultrassom após cerca de 14 semanas. Desde 1994, uma lei proíbe e criminaliza o aborto feito por identificação do sexo feminino, e é proibido no ultrassom o médico revelar o sexo do bebê, pois após as famílias descobrirem que é uma menina, elas fazem o aborto, cometendo um crime. Existem hoje na Índia 40 mil clínicas de ultrassom registradas e muitas mais sem registro, fora os anúncios de aborto que já são oferecidos ali, mesmo, no momento do exame de ultrassonografias, tudo ilegal. A suprema corte da Índia também proibiu os sites de busca de oferecerem nomes de laboratórios ou clínicas que ofereçam revelar o sexo do bebê.

  
Engana-se quem pensa que abortos só acontecem em famílias mais humildes. A classe média e pessoas com ótimas condições financeiras, a elite, são as que mais realizam, pois têm condições financeiras de pagar por tudo e o peso da tradição é maior, principalmente se já possuem uma menina na família. Já as famílias pobres não possuem dinheiro para realizar o aborto seguro e fazem clandestinamente; muitas vezes nem a mãe, nem o bebê sobrevivem. Outras tomam remédios, não se alimentam direito, e muitas crianças já nascem com sérios problemas de saúde, morrendo logo em seguida ao parto. Quando não realizam o exame de ultrassonografia porque não têm dinheiro, depois do nascimento, muitas mães matam as meninas no nascimento; elas são jogadas em poços, enterradas vivas, abandonadas à própria sorte. Existem ONGs e casas de abrigo que recebem esses bebês rejeitados pela família e ali a criança é cuidada na medida do possível. Ainda bem que existem esses abrigos, pois muitas não têm nem a oportunidade de nascer e sobreviver.

 

meninas em orfanato na Índia
 
É muito triste a realidade da Índia e, mesmo com a lei não sendo cumprida, o governo tenta incentivar o nascimento de meninas com algumas ações, oferecendo às famílias de baixa renda o programa de Proteção da Menina, um fundo aberto no nome da criança onde se deposita dinheiro até ela completar 18 anos, quando pode ser usado para pagar pelo casamento ou pela educação universitária da menina.   

Campanha de conscientização em Delhi
 Como todo projeto ou lei, esse também precisa de fiscalização, pois também pode ser burlado e as pessoas pensam que com dinheiro se pode tudo, até matar. Acima de tudo, somente uma educação eficaz pode transformar e salvar essas vidas. Caso as pessoas não tomem consciência e aprendam com seus erros, o país ficará sem leis e marcado para sempre.

A mulher gera vidas, ela é esposa, é mãe, irmã, amiga, é um ser humano que merece todo respeito e, assim como seus deuses, deve ser tratada como sagrada, pois ela é fonte da vida. Vamos todos lutar por nossas meninas. Elas são valiosas.

✨🎥Acompanhe também:
❤️ Facebook: https://www.facebook.com/namastemundoporjoicegabriela
❤️Instagram: @joicegabriela 

https://www.instagram.com/joicegabriela/
❤️🎥You Tube🎥: https://m.youtube.com/c/JoiceGabriela
❤️E-mail: joicegabrielabrazil@gmail.com